E agora?

Linhas à fio traduzidas e de repente, uma palavra da língua de origem sem uma tradução para a língua destino. E agora?

Pois é, aí que entra o trabalho minucioso, por que não se dizer trabalhoso,do tradutor. Como escolher uma tradução para tal palavra entre tantas opções? Optar pela que mais aparece nas buscas do Google ou pela que mantenha a coerência e fluidez do texto? Como escolher entre duas que fariam total sentido na frase? Como justificar essa escolha? Várias perguntas para apenas UMA palavra.

Trabalhando com o texto pedido para o TCC, deparei-me com diversas palavras sem uma tradução e algumas vezes com diversas.Que tarefa difícil escolher uma e justificá-la. Alguns exemplos que tive no texto, foram:

  • indetenible que não encontrei nem no dicionário da RAE ( Real Academia Española) e , buscando em foruns encontrei a tradução dessa palavra para o inglês (unstoppable) que seria imparável e optei por traduzi-lo assim;
  • tremendista que em português encontrei como espantoso, porém, não fazia sentido no texto, uma vez que, esta se falando sobre um período da literatura espanhola então, optei por manter o tremendista e;
  • eclosionador igual eclosionar com a tradução portuguesa de eclodir e pela referência do texto optei por manter a tradução original que diz que eclosionar é o ato de desabrochar.

Exige muita pesquisa quando se depara com palavras assim e é um tempo relativamente precioso – e pouco produtivo- que se gasta solucionando.

Desempenho

A curiosidade de saber quantas palavras consigo fazer em determinado tempo me fizeram computar este dado e com isso acompanharei minha evolução.

Dia 28/07 em +- 2 horas traduzi  444 palavras,

Dia 29/07 em 1:52 minutos traduzi 671 palavras,

Hoje 31/07 em 1:27minutos traduzi 920 palavras.

Um aumento gradativo no número de palavras e uma diminuição significativa no tempo.

Me parece positivo!

Continuarei acompanhando até conseguir chegar a média de palavras traduzidas por hora.

Primeiras 66 linhas

Tradução assistida deletou da minha cabeça a idéia que eu tinha de como um tradutor trabalhava. Que era mais ou menos assim: o tradutor sentava em sua cadeira, abria duas páginas no word, dividia a tela em dois e , olhando o texto fonte fazia a tradução na página do word ao lado. Que trabalhoso seria!

Traduzi minhas primeiras 66 linhas no MemoQ (não é lá muita coisa, já que no total tenho 1221 linhas). Inclui termos no meu glossário, fiz validações dos termos e estou extremamente curiosa para aprender mais sobre esse programa, que ao meu ver, é simplesmente fantástico!

Me deparei com a seguinte “expressão” : a la par. Não encontro tradução alguma para essa frase, apenas para cada palavra. Traduzindo palavra por palavra ao pé da letra teria : à par. Porém, no meu texto essa expressão não teria sentido.

Buscando a tradução que melhor se encaixaria encontrei no site da Fundéu cinco possíveis equivalentes e elegi o que, na minha opinião, mantinha a fluência do texto e era comumente aceito.

Selecionei o termo e a tradução que escolhi e adicionei no meu glossário.

O MemoQ

No primeiro dia usando esse programa não consegui mudar o idioma nem anexar um glossário – por falta de ter mesmo- apenas dei início à tradução.

Hoje retornei ao aplicativo, agora com um glossário feito – ou meio, já que incluí 7 termos apenas – e consegui mudar o idioma. Mesmo em Português, não fui capaz de encontrar onde posso anexar meu glossário e também, parece que não há um botão de Salvar Projeto. É extremamente ruim não poder anexar meu glossário pois não posso consultá-lo direto pelo programa, tenho que usar  o excel paralelamente e isto me toma muito tempo e também não deixará minha tradução homogênea.

Verei algum vídeo e em seguida retorno ao programa para prosseguir com a tradução.

Tradução assistida

Instalei o programa de tradução assistida, MemoQ e, vou utilizá-lo pela primeira vez.

Ao abrir o programa, fiquei perdida, já que ele é todo em inglês e não consegui – talvez por não ter essa opção- mudá-lo para português. Vi vídeos no YouTube e consegui finalmente criar um projeto. Como não tinha ainda o glossário, não pude anexá-lo no MemoQ, mas, estou montando ele no excel, paralelamente à tradução.

É extremamente trabalhoso a primeira tradução por vários motivos: você não tem domínio da ferramenta de tradução, tem que parar praticamente em toda linha para incluir algum/ns termos no glossário e além disso, precisa fazer validações da tradução do termo. Não que nas demais traduções estas ações não se façam necessárias, mas, com o hábito se tornará mais fácil.

No YouTube tomei conhecimentos de teclas de atalhos do MemoQ, no momento só estou fazendo uso do ctrl+enter.

Meu texto é um artigo científico.Hoje traduzi o resumo, e com ele, consegui ter  uma noção do que se trata.

Espero dominar esse programa o quanto antes.

Primeiros passos

Com o arquivo já convertido em Word, posso fazer a contagem das palavras para montar um orçamento e enviá-lo ao cliente.

A tradução em questão contém 11.381 palavras. De acordo com a tabela de valores de referência do SINTRA (Sindicato Nacional de Tradutores) o custo de cada palavra é R$ 0,34. Logo, 11.381 x 0,34 = 3.869,54

Abaixo, o modelo do orçamento fictício.

Caro Sr. Harry Acme,

Conforme solicitado, envio-lhe o orçamento do arquivo historiadelaconstituicion.pdf

11.381 palavras = R$ 3.869,54

Nota Fiscal (5%) = 193,47

Conversão para Word(.doc) = 25,00

Total =  4.088,01

A tradução ficará pronta em 28 de novembro de 2015.

Aguardo seu contato,

Thaila.

Próximo passo: criação do glossário e tradução.

Tradução Técnica

Para a conclusão da minha Pós Graduação em Tradução, farei a tradução de um texto técnico. O texto foi enviado por um cliente fictício – Harry Acme – no qual ele pede que eu envie um orçamento para a realização da tradução.

A primeira coisa que fiz foi; convertê-lo de PDF para Word e de pronto começar a tradução.

Cometi meus primeiros três erros:

1- Não li o texto para ver qual era o tema e se eu seria capaz de traduzi-lo e estimar em quanto tempo,

2- Não enviei o orçamento para o cliente,

3-E já comecei a fazer a tradução e me esqueci do glossário.

Parei a tradução, que já começou toda errada, e farei o orçamento.